Pessoas que gostam deste blog

Lição 04 - Nicodemos e o Novo Nascimento / Texto Áureo / Verdade Aplicada



TEXTO ÁUREO: "Não te maravilhes de te ter dito: Necessário vos é nascer de novo". 

Jo 3.7


VERDADE PRATICA: A melhor maneira de impactar os eruditos com o Evangelho é surpreendê-los como fez jesus, apresentando o evangelho criativamente.


INTRODUÇÃO: A salvação é a milagro­sa transformação espi­ritual, realizada na vida de todo ser humano que, pela fé, com arrependi­mento de seus pecados, recebeu a Jesus Cristo como seu salvador (Ef 2. 8.9; 2Co 5.17; Jo 1.12; 3.5). Jesus realiza essa rege­neração espiritual (novo nascimento) em todos aqueles que o recebem. Sendo assim, ninguém poderá viver na plenitude do Espírito Santo, obter maturidade espiritual e dedicar-se com êxito ao trabalho do Senhor se não experimentar o milagre da salvação esse novo nascimento.

A ILUSTRE VISITA DE NICODEMOS: Nicodemos era um fariseu, um dos líderes dos judeus, o que, sem dúvida, se refere ao fato de que ele era um dos membros do sinédrio, o mais alto tribunal eclesiástico e civil de Israel. O trecho de João 7.50-52 mostra-nos, novamente que ele mantinha essa elevada posição. Evidentemente era um homem sincero e foi atraído para Jesus por causa de seus milagres e ensinamentos, bem como por causa de sua conexão com o grupo que então proclamava a breve inauguração do reino de Deus. João Batista despertara grande interesse e intensas controvérsias sobre o assunto, e Jesus dera prosseguimento a essa mensagem.




O PRÍNCIPE DOS FARISEUS: Esse episódio isolado acontece durante a primeira estada, ministerial, de Jesus em Jerusalém, ele mexeu com os ânimos de muita gente, inclusive entre os grupos dirigentes. Nesse entendimento temos que ter em mente que a expectativa do Messias vindouro estava viva em Israel e ganhava nova intensidade sob a pressão da dominação estrangeira romana. Já por ocasião do surgimento de João Batista a pergunta era: será que ele pretende ser o Messias (Jo 1.19). Os atos de Jesus ainda eram mais poderosos e envolventes que João Batista. Por isso “muitos creram em seu nome” (Jo 2.23).





O NOVO NASCIMENTO: Jesus começou com o que era conhecido, a experiência universal do nascimento. O termo traduzido por “novo” também significa “do alto”. Apesar de todos os seres humanos terem passado pelo nascimento natural neste mundo, caso desejam ir para o céu, devem passar pelo novo nascimento espiritual do alto.
Nicodemos, líder religioso e homem culto, não entendeu o que o salvador dizia. Jesus estava se referindo ao nascimento espiritual, mas Nicodemos não conseguia pensar além do nascimento físico.





O QUE É NASCIDO DA CARNE, É CARNE: Na Bíblia o curioso termo “carne” designa a natureza do ser humano separado de Deus e por isso impuro e frágil, assim, a essência de todas as criaturas. “Carne”, porém, não sobrevive no reino de Deus, pois a natureza de Deus é “Espírito”. Esse termo não traz o nosso sentido atual de “espiritualidade” ou até intelectual, mas sim da natureza santa do Deus vivo com sua força e glória. Todavia, unicamente “o que é nascido do Espírito” e por isso possui em si a natureza divina que suporta estar na presença de Deus, no governo soberano de Deus.

NASCER DO ESPÍRITO E DA PALAVRA: Nascer de novo, quer dizer: ser gerado do alto, ou seja, nascer do Espírito. Assim como ambos os pais são necessários para que ocorra o nascimento físico, também são preciso dois “pais” para que se dê o nascimento espiritual: o Espírito de Deus (Jo 3.5) e a Palavra de Deus (Tg 1.18; 1 Pd 1.23-25). O Espírito de Deus usa a Palavra de Deus e, quando o pecador crer, Deus concede vida espiritual. De fato precisa ser assim, não em virtude de uma lei exterior, porém uma necessidade intrínseca, a partir da essência em questão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Online